Casamentos reais

Roberta & Fabio – casamento tropical no Sítio Meio do Mato

Roberta e Fabio

Um casamento tropical em conexão com a natureza no Sítio Meio do Mato


A Roberta foi uma noiva maravilhosa de conversar, contou sua história com o Fabio e sobre o planejamento do casamento com muitos detalhes! E a conexão desses dois leoninos, é perceptível de cara, né? Adorei o casamento, as fotos e o clima desses noivos e tenho certeza de que vocês também vão gostar.

A história por trás do casamento

O relacionamento da Roberta e do Fabio começou na academia. Sem saberem de nada, foram “juntados” por um amigo em comum que, percebendo que os dois combinavam, falou dela para ele e dele para ela – foi o suficiente para despertar o interesse nos dois! O Fabio então viu a Roberta na esteira e de lá saíram com jantar marcado (uma salva de palmas para esse amigo cupido, gente! Acertou muito!).

Depois daí a história deles foi fluindo naturalmente, moravam e trabalhavam relativamente perto um do outro e passaram a se ver durante a semana, almoçar juntos e até sair a noite.. Em duas semanas já haviam saído mais de 10 vezes!

Bateu de primeira mesmo, dois leoninos, intensos e apaixonados que somos, não podia ser diferente. Grudamos um no outro e a companhia era deliciosa, para tudo que fazíamos, foi natural namorarmos rapidamente. 10 meses depois já estávamos morando juntos!

Entre a mudança para a vida a dois e a comemoração oficial foram três anos. A Roberta brinca que eles já eram bem casados e a festa era apenas para comemorar o casamento que já dava muito certo!

O pedido oficial veio em Agosto de 2016, no aniversário dela! Fabio fez uma surpresa com uns 30 convidados – dentre eles familiares e amigos mais próximos – com uma amiga da Roberta como cúmplice. Enquanto elas saíam para almoçar ele arrumou tudo para receber todos os convidados na casa dela com uma dupla surpresa!

Foto: Studio Couplé

Na hora do parabéns, até minha irmã e uma amiga que moram fora estavam online em vídeo esperando o pedido. Fabio disse que queria fazer um discurso sobre os amigos e os sogros queridos que ele tinha ganho, sobre a gente, sobre a nossa vida juntos. Colocou fotos nossas passando na tela do laptop, ao som da nossa música preferida da época, e começou a falar. Após alguns segundos, já notei algumas amigas chorando ou filmando e comecei a desconfiar. Quando as imagens acabaram, apareceu na tela – “Você quer casar comigo?” – e quando olhei pro lado ele já estava com o anel me esperando.

Roberta contou que o Fabio até tremeu nesse momento, de tão nervoso. Ele, super noivo, organizou tudo sozinho com o maior carinho e cuidado do mundo e planejou tudo para que o pedido fosse rodeado pelas pessoas que eles mais amavam! Depois do “sim” a Roberta ainda se emocionou com os vídeos dos amigos lhe dando parabéns – afinal, também era aniversário dela! Foi uma super festa com muita emoção e cheia de coisas boas para comemorar!

Os preparativos do grande dia

A Roberta foi muito corajosa e embarcou na missão de organizar tudo sozinha. Ela queria ter noção dos valores e quanto de investimento demandaria o casamento que ela idealizava, antes de fazer qualquer contratação.

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

O Meio do Mato foi o primeiro local visitado por ela, mas antes de tomar a decisão final viu outros 14 lugares! É muita disposição, mas ela contou que apesar de ter sido cansativo, no final tudo valeu a pena.

Fabio já não aguentava mais e confesso que eu também não, mas sou super metódica. Lá, no fim das contas, foi um pouco mais caro que os demais, porém me ajudou muito porque tinha muita coisa incluída, de qualidade, e eu tinha uma consultora pra me dar dicas e me acalmar, mesmo assim, tudo que eu fechava de fora era direto comigo, mas eles dão o apoio total quando chega a hora.

Decoração e Identidade Visual

A decoração foi em clima tropical, combinando com a proposta ao ar livre do espaço e com o verão da nossa Cidade Maravilhosa! Por não ser uma noiva clássica, romântica que sonhava com o casamento em tons pastel, a Roberta pautou suas escolhas de decoração em uma paleta de cores quentes e fortes, como verde, amarelo, rosa choque, laranja, vermelho e roxo.

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Sempre quis um casamento rústico cercado pela natureza para que eu pudesse sentir a energia dela e, além disso, queria que minhas fotos tivessem a luz do dia, fossem bem coloridas e ao ar livre. O sítio foi a escolha perfeita porque casamos de frente pra um lago belíssimo, dançamos debaixo da luz das estrelas e estávamos rodeados de verde, com gambiarras espalhadas por todo o jardim. Fiz questão inclusive que a pista de dança fosse no deck de madeira e que o salão fechado não fosse usado, só usamos a varanda e o jardim. Também coloquei drinks bem refrescantes no cardápio para combinar. Foi um lindo dia de sol e, por incrível que pareça, ameno.

Por ser muito detalhista e ter participado de tudo do seu casamento, a Roberta também influenciou nas escolhas de toda a decoração, desde as estampas florais das almofadas até a posição dos móveis!

A decoração ficou perfeita, incrível, foi muito além do que eu imaginava. O meu altar todo de flores plantadas estava um escândalo, as mesas com as costelas de Adão no lugar do sousplat e as flores plantadas direto na madeira, tinha terra na mesa – quer coisa mais linda? -, estavam divinas.

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Além da decoração tropical incrível eles também investiram em uma Kombi super fofa que não só embelezava ainda mais o casamento como também serviu de cenário para as fotos 3×4, uma lembrança linda para os convidados!

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

A identidade visual do casamento foi toda pautada no mesmo tema da decoração, cheio de plantas e flores. O convite foi entregue em um envelope de papel kraft e a papelaria levava a costela de Adão que também foi colocada na decoração – elemento indispensável para um casamento tropical.

O vestido da noiva

Em uma viagem com as amigas para NY, Roberta e a amiga cúmplice (aquela que ajudou o Fabio com a surpresa!) estavam as duas noivas e precisando decidir sobre o vestido, pensaram então em dizer sim juntas para os seus respectivos vestidos lá mesmo em Nova Iorque.

Acabei comprando um que depois deixou de ser o que eu queria. Uma coisa que eu aprendi muito importante sobre o vestido de noiva é que a gente não sabe muito bem o que quer muito tempo antes porque vamos vendo várias referências e na hora que vestimos no corpo não fica como imaginávamos.

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Com esse pequeno contratempo em mãos ela recorreu à estilista Maria Mendes, de quem já acompanhava e gostava do trabalho. As duas juntas aproveitaram apenas a cauda do antigo vestido e mudaram todo o resto, montando o vestido que a Roberta realmente queria em apenas três meses!

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Fomos conversando durante todo o processo e ela super me acalmou, disse que o tempo era mais que suficiente e eu vi que saberia fazer exatamente o que eu queria. Alguns dias antes do casamento ainda colocamos pérolas na renda, que ficava do quadril pra cima. Foi o toque final! Ficou muito chique.

Momentos antes

Foto: Studio Couplé

 

Foto: Studio Couplé

 

Foto: Studio Couplé

 

Foto: Studio Couplé

 

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

A cerimônia e a recepção

A entrada da Roberta foi ao som do clássico All you need is love e a cerimônia foi celebrada por sua irmã e por sua amiga (a mesma já citada lá em cima). A irmã da Roberta, Renata, também se casou em 2017 e você pode ver o post sobre o casamento dela aqui! As duas Renatas fizeram textos lindos e o envolvimento dos amigos e da família deixou a cerimônia ainda mais íntima. Os votos dos noivos foram ainda mais emocionantes!

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Na recepção foi só alegria e diversão! A banda “Sua amiga gosta” animou a pista, exatamente como a Roberta queria!

Foi o ápice da pista e fiquei muito feliz com essa escolha. Os instrumentos tocando pagode, MPB e samba naquele clima de verão deu match total.

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Foto: Studio Couplé

Para ela o que não pode faltar no grande dia são as pessoas em quem você confia e mais ama para te acalmar, porque elas que dão o suporte (logístico e emocional) necessário para se entregar ao momento e curtir muito o seu casamento, sem preocupações!

Confesso que naquele momento de pausa entre a cerimônia e a festa eu estava bem tensa e preocupada se tudo iria dar certo. Afinal, você passa muito tempo sonhando e organizando esse baita evento da sua vida. Minhas amigas, mãe e irmã foram essenciais para que eu relaxasse e curtisse, cuidavam de tudo que eu pedia e, assim, eu pude me entregar. Depois de uma hora de festa não teve mais volta, foi animação até às 2 da manhã, com direito a padrinhos e noivo se jogando na piscina ao final.

Segundo ela o mais marcante do casamento foi a energia que de tão contangiante ficou evidente para todos os convidados. O mix de escolhas do casamento fez com que tudo conspirasse para uma noite de energia incrível!

A energia…contagiante. Foi a palavra mais repetida pra nós – “que energia maravilhosa que foi a festa de vocês!”. Acho que tudo contribuiu pra isso, mas principalmente a animação da pista, a intimidade dos convidados com o casal e o local e a decoração no meio da natureza.

Alguns outros detalhes interessantes!

Lua de mel: A Roberta é apaixonada por planejar viagens e já sabia que gostaria de passar sua lua-de-mel na praia, que é seu lugar preferido. A partir daí ela começou a pesquisar os melhores destinos com data próxima ao seu casamento e acabou chegando em um lugar que já era um sonho antigo: as Filipinas. Decidiu então viajar só um mês depois do casamento para aproveitar as melhores épocas e deixar passar o final de ano cheio de feriados.

(…) mal eu sabia o trabalho que teria pela frente. Tem pouquíssima informação sobre o país ainda na internet e lá é bem limitado também de transporte, foram 8 meses pesquisando blogs gringos para entender como chegar em cada lugarzinho escondido no meio do oceano sem passar perrengue.

Apesar da dificuldade o roteiro acabou ficando incrível, tanto que os amigos já pediram até para ela disponibilizar e dar dicas sobre ele.

Foquei nas ilhas de El Nido, Cebu e Coron, muitos passeios em barco exclusivo por ilhas, lagoas e cachoeiras de tirar o fôlego. Muito snorkel, fizemos também 4 mergulhos (…) Como chegar lá é longe e demora, paramos em Amsterdam alguns dias porque lá foi nosso 1° destino internacional juntos em 2014 e também Singapura, a qual eu adorei, muito muito desenvolvida e segura e pude fazer umas comprinhas. No total foram 24 dias.

Detalhes financeiros: A Roberta foi uma noiva exemplar e super empenhada para o casamento sair exatamente como ela queria e na parte financeira não poderia ser diferente.

Eu fiz um planejamento financeiro. Primeiro pesquisei os fornecedores pra entender qual seria o mínimo que eu precisaria pra fazer um casamento como eu gostaria. Foi a parte mais difícil porque eu não conhecia nada do mercado de casamento nem sabia o que precisava direito ou o que eu queria de fato, foi muita pesquisa sozinha e confesso que me irritei algumas vezes, porque não é fácil. Fiz isso porque eu não tinha uma verba ilimitada, pelo contrário, após definir uma meta de gastos aproximada por item e total, eu planejei também como juntar e investir dinheiro para o grande dia. Ainda adicionei 10% a mais de gastos para emergências porque todo mundo me avisou que no último mês você gasta muito mais e eu não queria levar esse susto. Fiz um ‘planilhão’ que hoje eu tenho até orgulho!

Ficha técnica:

Assessoria/Cerimonial: Rosí Medeiros (Meio do Mato) | Acessórios da Noiva: Brinco da Nous e anel herdado da avó, grinalda Angela Pimental Athayde | Banda/Atração: Sua amiga gosta | Bar: Caçadores de Drinks | Bebidas: Wine and Roses | Bem casados: Denise Cristina | Bolo: Casal Garcia | Buffet: Eliane Leal Gastronomia (Meio do Mato) | Buquê: Meio do Mato | Convites: Lollalice Convites | Decoração: Jaque Vannucci (Meio do Mato) | DJ: Leandro Mendes | Doces: Doces finos – Neide Carraro, Chocolates – Sweet in Box, Doces – Carolina Sales | Forminhas: Arte e Forminhas | Fotografia e filmagem: Studio Couplé | Gambiarras e lampadas: Otavio Roldan | Identidade visual: Lollalice Convites | Iluminação e som: BPM Áudio | Lembrancinhas: Kombi Fiona (fotos 3×4) e LR Chinelos e Brindes (Chinelos) | Local da Cerimônia e da Festa: Meio do Mato | Lua de mel: Amsterdam, Singapura e Filipinas | Maquiagem e cabelo: Studio 55 Beauté | Noite de núpcias: Grand Hyatt RJ | Pista: Jump Pistas | Roupa do Noivo: Brooksfield | Sapato da Noiva: Arezzo | Site dos noivos: casar.com | Topo de bolo: Meio do Mato | Vestido da Noiva: Maria Mendes

Leave a Reply